quarta-feira, abril 27, 2005

O dito cujo

O - O seguinte post pode conter cenas ou linguagem chocante

Devido a minha ausência na publicação de posts, decidi criar algo um pouco mais...perverso. Por isso este post, como o nome indica, fala do orgão copulatório masculino, mais concretamente dos nomes k por vezes lhe são associado. Para simplificar a consulta, decidi dividir essas ditas alcunhas em três categorias: animal, vegetal e nomes próprios.

Animal - geralmente empregue quando se quer referir ao acto de polir o mastro da virilidade:
- chicotear o golfinho
- espancar o macaco
- dar de comer ao pirikito
- afagar o gato
- hibernar o urso

Vegetal - geralmente asssociado ao orgão e seus acessórios:
- o ramo e as bagas
- a palmeira e os cocos
- a banana da Madeira
- o pinheiro e as pinhas
- a árvore de Natal e as bolas (usado mais na época natalicia)

Nomes próprios - nomes dados ao instrumento com o intuito de evidenciar as suas qualidades:
- Zé Pescoço
- Toni Ramo
- João Pekeno (dependendo do tamanho, este nome pode ser enganador)
- Pepe Rápido (tal como o anterior, este também pode ser enganador)
- Neca do Pilão

Por isso, meus amigos, se recentemente adquiriram um animal desta raça, aki ficam vários nomes possiveis para darem nome ao bicho.

Fikem bem e TOSTAS PRA TODOS.

2 Comments:

Blogger _Morgaine_ said...

Epá...vocês homens são estranhos... LOL

27 abril, 2005 21:57  
Anonymous wicked said...

Mene, tens de deixar essa droga, eu deixei a minha não sei foi onde! eu pergunto-me como é possível que um gajo como tu publique esta cena no seu próprio blog mas depois lembro-me que tens radiologia no sangue e perdoo-te logo...

PS: esta foi sem duvida a minha comunicação menos conseguida dos ultimos tempos
PSD: dcp mas n tinha nada que fazer

o cromo e maluko: jrocha

05 maio, 2005 12:02  

Enviar um comentário

<< Home